• Agência Lume

Obra de escola em Rio das Pedras ainda está em fase de análise

Por: César Oliveira e Fernanda Calé.

Foto: Agência Lume.

Segundo a Secretaria Municipal de Educação, os contratos vão precisar passar por revisão assim como as condições atuais das edificações.

 

A obra de uma escola localizada na avenida São Josemaria Escrivá próximo ao condomínio Moradas do Itanhangá, iniciada no segundo mandato do atual prefeito Eduardo Paes (hoje em sua terceira passagem pela prefeitura), está parada a cerca de quatro anos.


A construção chama a atenção dos moradores vizinhos por aparentar estar em fase avançada, mas que mesmo assim não foi finalizada no último ano da segunda gestão de Eduardo Paes (2016), e nem na gestão de Marcelo Crivella (2017-2020).


No fim do ano passado, a Agência Lume questionou a então gestão de Marcelo Crivella sobre a finalização da obra. Na ocasião, a Secretaria Municipal de Educação informou que aguardava disponibilidade orçamentária para finalizar a obra.


Em entrevista a Agência Lume, o então candidato, e atual prefeito Eduardo Paes, afirmou que na sua segunda passagem pela prefeitura havia feito cerca de 280 escolas e que aproximadamente 20 unidades não foram finalizadas, e que finalizaria as obras caso fosse eleito.


Quase três meses após a posse de Eduardo Paes, nossa equipe voltou a procurar a prefeitura por meio da Secretaria Municipal de Educação (SME), para entender o que está sendo feito para finalizar a obra da escola. A secretaria nos informou que a obra ainda está em fase de análise.


Ainda de acordo com a SME, a obra faz parte de um pacote de construção de três unidades escolares em estado adiantado, e os serviços para a conclusão da obra não foram realizados pela gestão passada (do ex-prefeito Marcelo Crivella).


A atual gestão ainda concluiu dizendo que devido a esse tempo inativo, os contratos vão precisar passar por revisão assim como as condições atuais das edificações vão ter que ser reavaliadas. Portanto, até o momento atual, não há nenhum prazo determinado para conclusão da obra.


Veja a nota completa enviada pela Secretaria Municipal de Educação:


"A obra faz parte de um pacote de construção de três unidades escolares em estado adiantado.

Os serviços para a conclusão da obra não foram realizados pela gestão passada.

E, pela passagem do tempo, os contratos precisarão passar por revisão. Bem como as condições atuais das edificações terão de ser reavaliadas.

Desta forma, não há como informar agora um prazo determinado para conclusão da obra pois está em fase de análises."

 

Conteúdo Publicitário