• Rafael Rodrigues

Projeto Documenta Rio ajuda população vulnerável a obter documentação civil


Foto: Beth Santos/Prefeitura do Rio

Projeto busca ajudar pessoas que não conseguem emitir documentos básicos.

 

Lançado no final de julho pelo prefeito Eduardo Paes e pela secretária municipal de Assistência Social, Laura Carneiro, o projeto busca ajudar pessoas mais vulneráveis a conseguir documentações como certidão de nascimento, CPF e RG.


Com a dificuldade de conseguir acesso a internet, cidadãos mais vulneráveis acabam ficando sem documentos básicos, porém muito importantes para ter direito a diversos serviços públicos. Alguns projetos já realizam parte desses serviços em comunidades como o Assistência em Movimento, gerenciado pela própria Secretaria de Assistência Social.

 

Continua depois da publicidade


 

O evento foi realizado no Palácio da Cidade, em Botafogo, e contou com a presença de diversos profissionais que realizaram seminários para explicar o funcionamento do projeto e o desejo de integrar diversos outros órgãos federais e estaduais ao projeto.


Em declaração o prefeito do Rio, Eduardo Paes, disse estar empolgado com o projeto e lembrou a importância dos registros. Veja abaixo a declaração:


– Estou empolgado com esse projeto. Quando a pessoa não tem registro, não se consegue chegar com políticas sociais até ela. Ter esse trabalho é muito importante, um direito fundamental. É um momento de muita alegria – disse o prefeito, Eduardo Paes.


Fonte: https://prefeitura.rio/assistencia-social-direitos-humanos/documenta-rio-programa-vai-facilitar-acesso-da-populacao-vulneravel-a-documentacao-civil/


 


Conteúdo Publicitário