• Rita Valente

Prefeitura lança aplicativo de delivery


Lançamento do Valeu, sistema de delivery carioca. / Foto: Marcelo Piu/Prefeitura do Rio

Criado para concorrer com iFood e Rappi, o Valeu terá taxa zero para restaurantes e o dobro de remuneração para os entregadores.

 


 

Foi lançado na última segunda-feira (28), o primeiro aplicativo de entrega de alimentos desenvolvido pelo poder público no Brasil, que foi criado pela prefeitura do Rio de Janeiro.

Idealizado pela Secretaria Municipal de Fazenda e Planejamento, o Valeu terá custo zero para os restaurantes em pedidos de até R$100, o que implica em dobrar a remuneração dos entregadores, que têm sofrido com as taxas de serviço dos outros aplicativos, que variam entre 28% e 41%, sobre valores dos pedidos.


A cobrança será escalonada em pedidos a partir de R$100, fixada em 2% sobre os que variarem entre R$100 e R$200, e 5% nos de valores acima de R$200. Assim, com o Valeu, a economia dos estabelecimentos vai variar de 17,5% a 21%.


Os ganhos para os entregadores poderão representar o dobro da remuneração que recebem em outros aplicativos. Nas compras até R$100, o profissional vai receber um mínimo de R$7 por pedido, que significa 27,2% a mais que a média de R$5,5, aplicada atualmente, no mercado. Para as compras acima desse valor, o entregador vai receber R$7, e 2% a mais do valor do pedido, o que representa aumento de 100% Os valores serão pagos diretamente pelos restaurantes.


Além da taxa mais competitiva, o aplicativo pretende ser mais democrático. Diferente do que acontece com as plataformas existentes no mercado, em que os estabelecimentos maiores pagam para ficar em destaque na página inicial. O algoritmo do Valeu prioriza restaurantes mais próximos do usuário. A estimativa é de chegar a 2,5mil estabelecimentos ao final de 12 meses de operação.


Desenvolvido pela Empresa Municipal de Informática do Rio de Janeiro (IPLANRIO), o Valeu começa a fase de teste, já disponível nas lojas Google e Aplle e pode ser baixado, e a população também já pode realizar pedidos.


A ferramenta estreou com restaurantes cadastrados em vários pontos da cidade, e continua aberta para novas adesões. Os estabelecimentos interessados podem encontrar o passo a passo neste endereço. No momento, a plataforma não será aberta para cadastro de entregadores. Os pedidos serão entregues por profissionais já vinculados aos estabelecimentos.


Fonte: https://prefeitura.rio

 

Conteúdo Publicitário