• Adão Paiva

Margens de um Rio: Sonhos ruídos


Foto: Adão Paiva.
 

03/06: O dia em que mais uma vez ficou evidente a falta histórica de apoio às comunidades.


Mais uma vez, vejo a comunidade e seus moradores sendo condenados como culpados de um crime que nunca cometeram. Mais uma vez, temos o resultado da falta de políticas habitacionais para comunidades. E mais uma vez, sonhos foram ruídos.


Espero que vocês entendam, ninguém escolhe viver em um lugar de precariedade habitacional, com falta de estrutura, saneamento básico, etc.. NÓS SOMOS JOGADOS PARA LÁ.

 

Continua depois da publicidade



Não somos bandidos envolvidos com tráfico ou milícia, somos em grande maioria garçons, empregadas domésticas, motoristas, serventes, babás, pedreiros, entregadores, cozinheiros e também professores, vendedores, jornalistas, publicitários, fotógrafos. Independente da profissão, somos trabalhadores honestos e demoramos anos pra conseguir um lugar próprio, isso quando conseguimos.


Por favor, parem de achar que Rio das Pedras se resume as milícias. Se forem nos resumir, resumam como pessoas guerreiras que batalham todos os dias por uma vida melhor, pois merecemos que nos enxerguem como somos, não como pessoas complacentes à crimes.

 


Conteúdo Publicitário