top of page
  • Foto do escritorDouglas Teixeira

#LeiaComOrgulho: Se a Casa 8 Falasse

Livro de Vitor Martins conta as histórias de três protagonistas LGBTQIAP+, em três décadas diferentes.

 

Já imaginou que a sua casa talvez assista tudo o que acontece dentro dela? E mais: que ela é capaz de emitir opiniões sobre as coisas que você faz, e fala e sobre tudo o que ela "vê"? Pois então: o Vitor Martins imaginou!

 
 

E escreveu pra gente essa maravilha de livro partindo da ótica da Casa 8, a verdadeira protagonista desta história. A casa nos conta as histórias de três personagens: Ana, Greg e Beto, que vivem nela em três décadas diferentes.


Ana vive na casa 8 em 2000, ela é uma adolescente lidando com os desafios da descoberta de si mesma e do amor em um mundo que passa por uma mudança. Em 2010, conhecemos Greg, um jovem gay buscando seu lugar no mundo e enfrentando as dificuldades de conciliar sua identidade com as expectativas da família. E em 2020, acompanhamos Beto, um fotógrafo solitário buscando um rumo em meio à pandemia.


A narrativa é fluida e envolvente, nos prendendo do início ao fim. E alterna entre passado, presente e futuro. Cada capítulo revela novos detalhes sobre a casa e seus habitantes, tecendo uma trama rica em emoções e reflexões.


Os personagens são muito bem desenvolvidos, cada um tem as suas próprias lutas, sonhos e conquistas. Através de suas histórias, o autor explora temas como amor, perda, família, identidade e pertencimento.


O livro destaca a importância da família e dos laços afetivos para as pessoas LGBTQIAP+: apesar das diferenças e dos conflitos entre os personagens, a família se mostra como um porto seguro, um lugar onde eles podem encontrar apoio e compreensão. "Se a Casa Oito Falasse" é um livro tocante e inspirador que nos convida a refletir sobre o valor da memória, dos laços familiares e do lar. É uma leitura leve e agradável, mas que também nos faz pensar sobre questões importantes da vida. Fica a indicação de leitura! O livro é ótimo para adolescentes e jovens (LGBTQIAP+ ou não), e também para as suas famílias que se encontram nessa jornada de aceitação e compreensão mútua.


Avaliação: ⭐⭐⭐⭐⭐

 
A foto é de Douglas Teixeira: um rapaz branco, com o cabelo castanho num corte baixo, ele usa uma camisa marrom, brincos nas orelhas e um piercing no nariz. O fundo da foto é cinza.

Douglas Teixeira é publicitário e apaixonado por livros desde que aprendeu a ler, e além desta coluna, também fala sobre livros no Instagram. Douglas é o Social Media e um dos fundadores da Agência Lume.




Comments


Conteúdo Publicitário

bottom of page