• Agência Lume

Freixo e Lula lideram votos em Rio das Pedras


Na imagem podemos ver uma rua arborizada, com uma grande fila de pessoas que seguem na mesma direção.
Eleitores enfrentam fila para votar em Rio das Pedras. / Agência Lume.

Veja quem recebeu os votos da comunidade no primeiro turno das Eleições 2022.


Por: Fernanda Calé e Wellington Melo.

 

No último domingo, dia 2 de outubro, primeiro turno das eleições 2022, cerca de 42.225 eleitores estavam aptos a votar e expressar sua opinião em 8 locais de votação disponíveis na comunidade de Rio das Pedras.

 


 

Após enfrentarem longas filas os eleitores puderam votar para os cargos de presidente, governador, senador, deputado federal e deputado estadual. A Lume fez um levantamento com base nos dados fornecidos pelo TRE para trazer quem foram os candidatos mais votados para os cargos de presidente, governador e senador na região.


Presidente

Após o fim da apuração dos votos de todo o país para o cargo de presidente da República, o Brasil ficou sabendo que os candidatos Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Jair Bolsonaro (PL), foram escolhidos para decidir quem fica com a vaga no segundo turno, que será realizado no dia 30 de outubro.


A nível nacional, Lula obteve 48,43% dos votos válidos, e Bolsonaro 43,20% dos votos válidos. Quando analisamos o número de votos recebidos em Rio das Pedras a vantagem do petista foi mais ampla, com 17.078 votos, o ex-presidente obteve 58,66% dos votos, enquanto Bolsonaro recebeu 10.076, o equivalente a 34,61% dos votos válidos.


Veja o desempenho de todos os candidatos no gráfico abaixo:


Em relação a disputa a nível nacional, a comunidade apresentou um resultado diferente na briga pelo terceiro lugar. Em Rio das Pedras, o candidato Ciro Gomes (PDT) aparece a frente de Simone Tebet (MDB).


Ciro recebeu 1.091 votos, e ficou com um percentual de 3,75% do votos válidos, já a candidata do MDB alcançou um percentual de 2,25% com um total de 654 votos válidos em Rio das Pedras.


Os candidatos menos votados em Rio das Pedras foram Eymael (DC) com 3 votos, Vera Lúcia (PSTU) com 5 votos, Leonardo Péricles (UP) com 8 votos e Sofia Manzano (PCB) também com 8 votos.


Também teve muita gente que decidiu não dar sua opinião, 551 eleitores votaram em branco, um total de 1,81% e 809 eleitores anularam o voto, um percentual de 2,65%. Somando brancos e nulos 1.360 eleitores decidiram não opinar.


Governador

Na disputa pelo Governo do Estado, após a apuração dos votos, eleitores fluminenses decidiram aprovar em primeiro turno a reeleição de Cláudio Castro (PL) com 58,67% dos votos válidos. O segundo colocado, Marcelo Freixo (PSB), alcançou apenas 27,38% dos votos.

 


 

Já em Rio das Pedras, os resultados foram diferentes, 11.403 eleitores da comunidade disseram que Marcelo Freixo deveria governar o estado, um percentual de 46,69%. Já o Cláudio Castro, recebeu 10.332 votos, com um percentual de 42,30% se manteve na segunda colocação. Confira o gráfico:


Os candidatos menos votados no local foram Luiz Eugênio (PCO) com 1 voto e Eduardo Serra (PCB) com 16 votos. O número de eleitores que decidiram não opinar sobre a disputa pelo Governo do Estado foi alto, 2.662 eleitores votaram em branco, um total de 8,75% e 3.332 eleitores anularam o voto, um percentual de 10,95%. Somando brancos e nulos 5.994 eleitores decidiram não opinar.


Senador

Na disputa para o Senado Federal, em que Romário (PL) foi reeleito com 29,19% dos votos, Rio das Pedras também votou diferente. Se a nível estadual Romário liderou sendo seguido de perto por Alessandro Molon (PSB) que obteve a segunda colocação com 21,20%, na comunidade, André Ceciliano (PT) foi o mais votado, com 6.249 votos o petista teve 26,62% do votos válidos.


Veja no gráfico a baixo:


Em Rio das Pedras, Alessandro Molon manteve sua segunda colocação com 23,92% dos votos, e Romário foi terceiro colocado com 23,83% dos votos. Os candidatos menos votados no local foram Antônio Hermano Lemme (PCO) com 2 votos e Hiran Roedel (PCB) com 11 votos.


Na disputa pelo senado a abstenção também foi alta, 3.574 eleitores votaram em branco, e 3.368 anularam o voto. Somando os número temos 6.942 eleitores que preferiram não opinar.





Conteúdo Publicitário