top of page
  • Foto do escritorFernanda Calé

Vazamento de água deixa parte da Engenheiro alagada


Na imagem podemos ver carros passando por uma pista alagada com uma água barrenta.
Foto: Agência Lume

Segundo moradores, uma obra da Prefeitura na entrada da Areinha pode estar causando o problema.

Atualizado em: 04/08 às 18h15.

 

Um vazamento de água que, segundo moradores, teria se iniciado em uma obra da Prefeitura do Rio na entrada da Areinha, trouxe um transtorno para motoristas e pedestres que passam pela Avenida Engenheiro Souza Filho nesta sexta-feira (04/08).

 
 

Veja a obra na imagem:

Na imagem podemos ver um buraco inundado com água com muita terra colocada ao seu lado. O local está isolado e tem placas da Prefeitura do Rio.
Foto: Agência Lume.

Entramos em contato com a Iguá, para saber se algum cano teria quebrado e se o problema poderia causar falta de água na região, segundo a empresa, as obras localizadas na Av. Engenheiro Souza Filho, não se tratam de ações realizadas pela concessionária, mas a empresa reforçou que já enviou uma equipe para verificar o que ocorre no local.


Nós também perguntamos a Subprefeitura de Jacarepaguá se o problema realmente foi ocasionado pela obra, ou se tem alguma outra motivação. Até a publicação desta reportagem o órgão ainda não emitiu posicionamento oficial.

 

Atualização:

Após avaliar a situação, equipes da Iguá constataram um vazamento de água, e a concessionária informou à Agência Lume que está realizando serviços de manutenção no loca, e que os trabalhos podem impactar o abastecimento na região de Rio das Pedras.


Veja a nota completa:

Serviços de manutenção em vazamento de água pode impactar abastecimento na região de Rio das Pedras – 04/08


A Iguá informa que, devido ao serviço de manutenção realizado pela concessionária em um vazamento de água causado por terceiros, o abastecimento na região de Rio das Pedras poderá ser impactado nesta sexta (04/07), podendo ocasionar baixa pressão e falta d'água.


Com a conclusão dos serviços, a previsão é que o abastecimento seja normalizado gradativamente, em até 48 horas, conforme o tempo de pressurização das redes, de acordo com as características do sistema de cada região.


A Iguá lamenta quaisquer transtornos causados e, caso necessário, disponibilizará caminhões-pipa para locais emergenciais como hospitais, clínicas e UPAs, entre outros. A companhia reitera a necessidade de uso consciente de água nesse período, e permanece à disposição dos clientes por meio da Central de Atendimento no número 0800 400 0509 (telefone e WhatsApp).

コメント


Conteúdo Publicitário

bottom of page