top of page
  • Fernanda Calé

Governo muda forma de pagamento de bolsas do Programa Desenvolve Mulher


Na imagem podemos ver duas notas de cem reais e duas notas de cinquenta reais, formando o valor de trezentos reais.

Após atrasos no repasse do benefício, Estado garante que alunas receberão o valor diretamente em suas contas.

 

Após atrasos no pagamento do benefício no valor de R$ 300, referente as alunas que cumprissem mais de 75% de presença nos cursos do Programa Desenvolve Mulher, o Governo do Estado afirmou que mudou a forma de pagamento do benefício.

 


 

O Governo do Estado do Rio de Janeiro, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, afirmou que após fazer todo o processo necessário para que as bolsas auxílio fossem liberadas pelo Banco Bradesco, os valore não foram liberados pelo banco pagador.


A secretaria afirmou então que está mudando a forma de pagamento e providenciando a abertura de contas correntes para evitar novos transtornos. O órgão não deu um prazo para todas as alunas recebessem os valores, mas informou que algumas já começaram a retirar o benefício.


A Agência Lume vai continuar acompanhando o caso. Veja abaixo a nota completa enviada pelo governo:


"O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, fez todo o processo necessário para que as bolsas auxílio das alunas do Programa Desenvolve Mulher fossem liberadas pelo Banco Bradesco. A programação financeira foi feita com antecedência, e dentro do prazo, para que não houvesse atraso. Entretanto, mais uma vez, os valores não foram liberados pelo banco pagador. Assim sendo, a Secretaria está mudando a forma de pagamento e providenciando a abertura de contas correntes para evitar novos transtornos. As alunas irão receber o valor devido diretamente nas suas contas o mais breve possível. Algumas alunas já começaram a receber o valor."

Conteúdo Publicitário

bottom of page