• Fernanda Calé

Município entra em estágio de mobilização: a previsão é de ventos fortes a muito fortes


Foto: Agência Brasil - https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Frente_fria_chega_ao_Rio_(28864864086).jpg

Mudança de estágio aconteceu às 13h30 desta quinta-feira (19).

 


 

A cidade do Rio de Janeiro entrou em estágio de mobilização, após o registro de rajada de vento forte na estação da Marambaia (59,4 km/h) na tarde de hoje (19/05). Segundo o Centro de operações da Prefeitura a previsão é de ventos fortes (de 52 a 76 km/h) a muito fortes (> 76 km/h) entre a tarde de hoje e a madrugada de sexta-feira.


Também segue vigente o aviso de ressaca da Marinha do Brasil: Ondas de 2,5 a 4 metros podem atingir a orla da cidade até a noite desta sexta-feira (20/5). Amanhã o tempo deve permanecer instável e há previsão de chuva fraca isolada a qualquer momento.


Recomendações em casos de ventos fortes

Em casa:

- Feche portas e janelas;

- Feche também persianas e cortinas para evitar que estilhaços se espalhem caso alguma janela quebre;

- Feche o registro de gás;

- Evite deixar objetos em locais altos, pois podem cair;

- Se faltar luz, cuidado com o uso d velas para evitar incêndios.


Na rua:

- Não se abrigue debaixo de árvores ou coberturas metálicas;

- Evite a prática de esportes ao ar livre, especialmente no mar;

- Evite ficar próximo a precipícios, encostas ou lugares altos sem proteção;

- Não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda;

- Cuidade! Caso haja queda de árvore, é possível que a rede de energia tenha sido rompida.


Recomendações em caso de ressaca

- Evite o banho de mar em áreas que estejam em condições de ressaca;

- Evite a prática de esportes no mar;

- Não permaneça em mirantes na orla ou em locais próximos ao mar durante o período de ressaca;

- Os frequentadores de praias devem seguir as orientações das equipes do Corpo de Bombeiros;

- Os pescadores devem evitar navegar durante o período de ressaca;

- Evite trafegar de bicicleta na orla caso as ondas estejam atingindo a ciclovia;

- Não entre no mar para resgatar vítimas de acidente. Neste caso, acione imediatamente as equipes do Corpo de Bombeiros pelo telefone 193.


Fonte:https://prefeitura.rio/cidade/

 




Conteúdo Publicitário