top of page
  • Ana Ludmila

Edital da Faperj vai ajudar projetos que promovam ações de recuperação e preservação


um grupo de homens e mulheres realizando coleta de resíduos em um espaço com árvores e grama

Programa de Educação Ambiental vai apoiar projetos com ações em lagoas, manguezais e regiões costeiras.

 

A Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj) lança o programa de Educação Ambiental: Capacitação e Ações de Lixo Zero em Lagoas, Manguezais e na Região Costeira, através de um edital que investirá R$ 5 milhões em pesquisas fluminenses.

O edital prevê apoiar projetos entre R$ 300 mil a R$ 1 milhão com foco no desenvolvimento de pesquisas-extensão no tema referente à educação ambiental, com a capacitação e ações voltadas para contribuição com a meta de lixo zero em lagoas e na região costeira fluminenses para valorização dos ativos econômicos, sociais e preservação ambiental da biodiversidade no território do Estado do Rio de Janeiro.

''A Faperj em consonância com a 28ª Conferência do Clima da Organização das Nações Unidas (ONU), que ocorreu nesse início de dezembro em Dubai, se compromete a financiar projetos que possam contribuir para a questão ambiental no Estado do Rio de Janeiro'', disse o presidente da Faperj Jerson lima, segundo ele o edital se insere no contexto das iniciativas mundiais de promoção de políticas que visam a recuperação e conservação do meio ambiente.


O apoio será concedido na forma de auxílio à pesquisa e bolsas de iniciação científica e tecnológica. As incrições esterão sendo realizadas até o dia 18 de janeiro de 2024.



Comments


Conteúdo Publicitário

bottom of page